Título polêmico para um produto que promete um crescimento de 81% nos próximos 24 meses segundo dados na Mintel. Mas é a mais pura verdade.

Uma gelateria, com laboratório, não deve ser concebida exclusivamente para produção e venda naquele único ponto. Ela não deve se dedicar a vender exclusivamente gelato. Ela deve se dedicar a fazer negócios! E isso implica em combinar ações criativas a capacidade dos equipamentos de produção e:

  • Promover serviço de delivery para clientes
  • Oferecer espaço para Eventos e Confraternização
  • Oferecer produtos complementares ao mix: café, água, tortas, complementos, etc
  • Realizar vendas para eventos fora da gelateria como casamentos, eventos corporativos
  • Realizar vendas em quiosques próprios, produzindo centralmente
  • Realizar vendas B2B – produzindo receitas exclusivas para bares, restaurantes, hotéis, etc
  • Realizar produções exclusivas para marcas que não estejam diretamente ligadas ao mercado de alimentação (ex. marcas esportivas, etc)

Para produzir um gelato espetacular é necessário investir em equipamentos de alta performance e eles representam um investimento importante, especialmente se o empreender estiver focado exclusivamente na venda vitrine. Certamente existem casos de sucesso somente com a venda na gelateria, mas a dependência de um alto fluxo e uma região com baixa sazonalidade é grande. Com as ações elencadas anteriormente é possível compreender o tamanho da oportunidade que o empresário tem nesse mercado e isso lhe permitirá: aumentar sua capilaridade, mitigar a falta de fluxo de caixa no período da sazonalidade, ampliar a visibilidade da sua marca e consequentemente sua venda e lucro, abreviando o prazo para o retorno do investimento e tornando o modelo de negócios maduro e inteligente.

A Top Taylor é líder nacional na distribuição e fabricação de equipamentos para sorvete soft há mais de 40 anos e há cerca de 18 meses firmou uma parceria com IFI, GEMM e Frigomatic marcas reputadas em seus respectivos equipamentos tanto na Europa, quanto em outras partes do mundo. A troca com experientes profissionais dessas empresas, pesquisas e visitas às feiras, além da implantação de alguns cases de sucesso no Brasil nos permitem compartilhar esses pensamentos.

Esperamos ter contribuído com suas reflexões.